• BiodanzaCatarina

Associação Catarina organiza seminário aos facilitadores sobre Biodanza no contexto atual

Atualizado: Mar 21

A iniciativa surgiu do grupo da ACB que estuda o contexto da pandemia e o presente e o futuro da Biodanza Sistema Rolando Toro.



O seminário interno aconteceu no dia 19/02, via plataforma virtual e foi dedicado aos professores de Biodanza de SC.


A necessidade de criar um grupo de estudo no contexto da pandemia surgiu em 2020 durante reunião do Conselho Deliberativo da Associação Catarina de Professores/facilitadores de Biodanza. O grupo de estudos nasceu com a intenção de apontar sugestões e compartilhar experiências que estão dando certo neste processo de adaptação.


O seminário teve como objetivo acolher e agregar conhecimentos entre os profissionais, destacando informações sobre possíveis adaptações para a prática da Biodanza. O debate foi amplo e os profissionais conversaram sobre tipo de sessão, características dos grupos, tipo do ambiente, protocolos de segurança e controle de infecção, atualizações da situação da pandemia em Santa Catarina e como os profissionais vêm enfrentando a crise atual com seus grupos regulares de Biodanza.


Apesar de visões diferentes sobre reintrodução da Biodanza neste cenário, professores que trabalham na área da medicina e controle de infeção ressaltaram que são a favor da volta somente após vacinação e de que é importante evitar aglomerações e a circulação do vírus e suas variantes. O Grupo de Estudo que ancorou o seminário segue estudando formas adaptadas de se aplicar Biodanza (independente de volta ou não) para que esse sistema possa cumprir com seu objetivo preventivo e psicossocial para ajudar no combate à pandemia.


Durante o seminário ouvimos relatos de professores que estão dando aula presencial (com todos os protocolos necessários e antes do período de lockdown decretado em março), e de professores que vem participando de aulas Online adaptadas ao momento. Ressaltamos que o seminário objetivou gerar trocas de conhecimentos, mais do que chegar a um consenso. Saímos do encontro com mais perguntas do que respostas, embora o diálogo seja sempre uma possibilidade de reflexão e amadurecimento do processo que estamos vivendo, no sentido de dar um norte ao presente e ao futuro da Biodanza SRT.


#Biodanza #BiodanzaCatarina #Webinárioparaprofessores



45 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo